Jeremy Clayton Davis

Nome Completo: Jeremy Clayton Davis
Apelidos: Schzimmy deenie. Lace. Worm. Pemmie
Data de Nascimento: 08 de Fevereiro de 1985
Local de Nascimento: North Little Rock, AR
Signo: Aquário
Altura: 1,80m
Olhos: Azuis
Na banda: Baixista
 
Sobre:
Jeremy cresceu com seu pai apresentando sempre novos tipos de musica. Quando tinha 15 anos seu pai deu um baixo e ensinou a tocar. No colegial, suas bandas favoritas eram MxPx e Rancid, daí ele começou a ouvir bandas da gravadora Drive-Thru Records e outras bandas que gostava, como Beloved, Underoath e The Chariot. Seu irmão estava em uma banda que precisava de um guitarrista, então Jeremy pegou uma guitarra emprestada, aprendeu sozinho como tocava e entrou para a banda. Depois, ele teve a oportunidade de entrar em uma outra banda, chamada Our Hearts Hero, quando tinha 19 anos, após entrar ele tocou com eles por mais ou menos 1 ano.
No verão passado Jeremy conheceu Josh e Zac por meio de um amigo, e eles começaram a sair sempre que tinham algum tempo livre em Franklin. Jeremy sempre brincava com eles que, se algum dia eles precisassem de um terceiro guitarrista, deveria ser ele.
Na Warped Tour de 2005, em Atlanta, Jeremy foi com os caras e quando ele os viu tocar ele sabia que era aquilo que queria fazer. Para sua surpresa, em dezembro de 2005, Jeremy recebeu uma ligação do Josh, dizendo que eles precisavam de um guitarrista. Jeremy estava tão empolgado porque iria ter a chance de entrar na banda com eles e tocar o que gostava. Ele, que estava na California na época, pegou o primeiro vôo para Nashville e desde então tem tocado com Paramore.

Influências Musicais:
Victor Wooten, Marcus Miller

Música favorita para tocar ao vivo:
“Misery Business”

Lugares favoritos:
Los Angeles, Colorado, and Franklin, Tennessee

Coisas favoritas:
Carros, música, turnês, conhecer gente nova, tocar com meus melhores amigos, família, dormir.

Comida:
Frango frito e batata frita, bife, mac n’ cheese, churrasco de porco, e Ghengis Grill (melhor restaurante de todos!!)

Nenhum comentário:

Postar um comentário